A fisioterapeuta em lesões do joelho

O joelho é uma estrutura muito propensa à lesões, devido à sua pouca mobilidade e aos diferentes esforços a que é submetido.

Estas lesões podem ocorrer por excesso de uso (provocando micro ou macro-traumas na região), sobrecargas mecânicas e principalmente por práticas de esportes de impacto.

Um dos locais mais comuns no joelho a sofrer lesões em atletas é o tendão – ou ligamento patelar – que é a estrutura que liga a patela à tíbia e que, juntamente com o músculo quadríceps, seu tendão e a patela formam o chamado “mecanismo extensor do joelho”.

Os esportes mais relacionados às lesões desse tendão são os que geralmente envolvem saltos como voleibol, basquetebol e algumas modalidades de atletismo.

Por essa razão, a lesão do tendão patelar por trauma repetitivo pode também ser chamada de “joelho do saltador” ou jumpers knee, lembrando que, tais lesões não são exclusivas desses esportes e ocorrem também em outras atividades esportivas, como futebol, corrida e tênis.

Em geral, as lesões do tendão patelar podem ser enquadradas em tendinopatias (com diferentes fases de gravidade), rupturas totais e rupturas parciais. Tendinopatias leves podem provocar um ligeiro espessamento no tendão, bem como alteração de sua textura. Estas lesões ocorrem em sua maioria no polo inferior da patela. Nos casos em que a lesão é no polo superior, sugere uma inflamação no mecanismo extensor.

Com a progressão da doença, o espessamento aumenta e surgem degenerações que podem estar acompanhadas de calcificações. Em fases mais avançadas, surgem as rupturas parciais no interior do tendão provocando seu enfraquecimento e podendo levar à ruptura completa, causando a perda da função do mecanismo extensor.

Um caso bem conhecido foi o que ocorreu com o ex-jogador de futebol Ronaldo. Atletas que treinam mais de três vezes por semana são mais suscetíveis à tendinopatia patelar. A freqüência, o voume e a intensidade dos treinos e competições também influenciam no desenvolvimento dos sintomas.

Clique para ampliar o gráfico
A fisioterapeuta em lesões do joelho

Vale lembrar que os atletas de fins de semana não possuem uma musculatura forte e um tendão com viscosidade suficiente para a prática de esportes, o que também os torna mais propensos à lesão.

Tratamentos »

3 Comments

  1. MIRANDA 15 de setembro de 2016
  2. Edilena Carvalho 17 de outubro de 2011

Deixe seu Comentário