Cirurgia de catarata

Leia no artigo anterior: Longa espera por cirurgia de catarata vai acabar»

Cirurgias eletivas

Os R$ 650 milhões liberados pelo Ministério da Saúde são para ampliar o número de cirurgias eletivas realizadas no Brasil, das quais a de catarata é uma delas. Cirurgia eletiva é aquela necessária para tratamento médico do usuário sem caráter de urgência ou emergência, ou seja, quando ele não está sob o risco de vida imediato ou sofrimento intenso.

O recurso liberado representa um crescimento de 86% se comparado com o valor destinado em 2011, que foi de R$ 350 milhões. No caso do Rio de Janeiro, além dos R$ 15 milhões liberados para a cirurgia de catarata, o estado receberá mais R$ 33,4 milhões para a realização de outras cirurgias eletivas, sendo R$ 16,7 milhões especificamente para o tratamento de varizes, cirurgias ortopédicas, atendimento nas áreas de urologia, oftalmologia e otorrinolaringologia, incluindo retirada de amígdalas.
O conjunto de ações lançado pelo Ministério da Saúde beneficia 2.555 cidades.

(Fonte: Jornal O Dia – Caderno Saúde)

Nenhuma Resposta

  1. Pingback: Longa espera por cirurgia de catarata vai acabar 26 de outubro de 2012

Deixe seu Comentário