Fisioterapia alivia depressão pós-parto

A depressão pós-parto, que atinge 13% das mães, pode ser minimizada com exercícios de fisioterapia, conforme mostrou um novo estudo publicado no periódico “Physical Therapy”.

A pesquisa avaliou 161 mulheres, divididas em dois grupos. Durante oito semanas, o primeiro grupo foi submetido, com os bebês, a exercícios de fisioterapia, e recebeu também 30 minutos de aulas sobre cuidados maternais. O segundo grupo só participou das aulas.

Os resultados revelaram que houve melhora significativa nos sintomas entre as mulheres do primeiro grupo e também uma redução de 50% no risco de necessidade de medicação em decorrência do distúrbio. As participantes, passadas as oito semanas, completaram a Escala de Depressão Pós-Parto de Edinburgh, teste que mede a gravidade do quadro.

A maioria dos casos de depressão pós-natal tem início nos primeiros três meses depois do nascimento do bebê.

A duração do distúrbio varia de mulher para mulher. Além da questão hormonal, a depressão pode ser agravada por fatores socioculturais, como a baixa autoestima da mãe, sua experiência durante o parto e a falta de apoio e de serviços de saúde específicos.

De acordo com Miriam Zanetti, coordenadora do curso de especialização de fisioterapia em obstetrícia da Unifesp, há estudos que mostram que gestantes que sentem dores lombopélvicas, que pioram a qualidade de vida e o sono da mulher, têm três vezes mais chance de ter depressão.

A fisioterapia pode ajudar a mulher grávida com exercícios (aeróbicos e anaeróbicos), alongamentos, técnicas para melhorar a capacidade cardiopulmonar e com orientações educacionais sobre as alterações físicas pelas quais ela está passando, o que a deixa mais segura, segundo Zanetti.

“O que se sabe hoje é que, durante os exercícios físicos, são liberadas substâncias como serotoninas e endorfinas que trazem bem-estar à praticante”, diz Mary Nakamura, professora do departamento de obstetrícia médica da Unifesp (Universidade Federal de São Paulo). Segundo ela, os exercícios físicos, de modo genérico, podem melhorar muito os sintomas da depressão pós-parto.

Nenhuma Resposta

  1. Pingback: Fisioterapia alivia depressão pós-parto 26 de julho de 2010
  2. Pingback: Fisioterapia alivia depressão pós-parto 19 de abril de 2010

Deixe seu Comentário