SUS oferece remédio em casa para crianças com hemofilia grave

Medicação é para pacientes com até 3 anos de idade e evita sangramentos

Crianças de até 3 anos com hemofilia grave agora têm garantida a ‘profilaxia primária’ para tratamento da doença, oferecida pelo Sistema Único de Saúde (SUS). O procedimento preventivo, para uso domiciliar, consiste no medicamento (hemoderivado) para reposição do fator de coagulação VIII (no tipo A) ou IX (no tipo B) no organismo. O objetivo é prevenir lesões nas articulações e possibilidade de sangramentos.

Para receber o tratamento, o paciente precisa estar cadastrado em um dos 35 Centros de Tratamento de Hemofilia (CTH) do País, onde recebem orientação e acompanhamento médico para a obtenção do medicamento. No Rio, a unidade de saúde é o HemoRio (Rua Frei Caneca 8, Centro).

O acesso está condicionado à avaliação clínica, social e psicológica, e assinatura de termo de consentimento, pelo qual o paciente (ou responsável) atesta a responsabilidade pelo tratamento em casa.

Para o presidente da Federação Brasileira de Hemofilia, Emílio Antônio da Rocha Neto, o tratamento domiciliar representa grande benefício para as crianças hemofílicas. “Elas terão, quando adultas, uma vida bem próxima do normal”, diz.

No Brasil, atualmente há 15 mil portadores da doença. No Rio, são 1.100 pacientes assistidos pelo HemoRio.

(Fonte: Caderno Ciência e Saúde – Jornal O Dia)

Deixe seu Comentário